Bruno Marques

Influencer: O que é ser um influencer e como ganhar com isso

influencer

Esta a gostar? Partilhe

Share on facebook
Share on linkedin
Share on telegram
Share on email

Um influencer é um líder de opinião contemporâneo, um prescritor de tendências na era digital. Se no passado o estilo e os bens de consumo eram promovidos por estrelas do cinema e da televisão que agradavam às massas, agora muitas pessoas comuns são objeto de admiração nas redes sociais como YouTube ou Instagram.

Atualmente, o termo já não se refere apenas a um papel social, mas a uma profissão, uma vez que, ao apresentar-se devidamente no mercado e ao oferecer a sua presença digital como plataforma de marketing, podem obter bons rendimentos. A questão é como ser um influencer.

Porém, antes de mais nada, deve-se entender que não existe uma receita mágica que abra as portas deste seleto grupo. É preciso um certo savoir faire e um pouco de sorte porque, em última análise, é o público que dá a última palavra no sucesso ou no fracasso de um projeto.

A dinâmica pela qual um perfil obtém mais ou menos seguidores, gostos ou partilhas é difícil de prever. Na Internet a popularidade não pode ser programada, mas, se aparecer na hora certa com o conteúdo certo, a rede pode dar-lhe a atenção necessária.

E uma vez que tenha conquistado seguidores leais, o marketing de influenciadores pode até recompensá-lo financeiramente pelos seus esforços.

Como ser um influenciador: as chaves para o sucesso nas redes sociais

Apesar de tudo, influencer não é um título vitalício, mas sim um estatuto que deve ser mantido com presença contínua nas redes e muita criatividade.

Os famosos “quinze minutos de fama” são passageiros, mas, para ser uma celebridade nas redes, a atenção do público tem que ser constante.

Com as nossas dicas, verá como pode aumentar as suas probabilidades de ser um influencer no Instagram ou no YouTube. Antes, porém, vamos esclarecer o que queremos dizer quando falamos sobre influenciadores.

 

O que é e o que é que um influencer faz?

Um influencer é uma pessoa com algum poder (influência) sobre um grupo de pessoas, que, como seguidores, se tornam leitores ou visualizadores de tudo o que os influenciadores partilham, sejam fotos, tweets, posts de blogs ou videos, qualquer tipo de digital conteúdo, em suma. Muitas vezes, o influencer consegue afetar os hábitos de consumo dos seus seguidores.

Portanto, se postar uma foto sua a vestir uma determinada peça de roupa, é provável que a sua comunidade também sinta o desejo de comprá-la.

Isto significa que esse poder de influência é acompanhado de responsabilidade, pois, ao apresentar algo publicamente, está a recomendá-lo.

Um especialista em informática, em cujos critérios os seus amigos confiam, pode influenciar a próxima compra, e alguém que ganha admiração no escritório com uma camisa nova pode tornar-se um meio de publicidade para uma loja online.

É assim que, querendo ou não, uma pessoa pode tornar-se um formador de opinião e prescritor de moda. Nas redes sociais, este efeito multiplica-se.

Se quiser saber como ser um influencer, primeiro deve conhecê-los bem.

 

Key influencer

Este grupo de pessoas geralmente tem uma boa reputação e é geralmente considerado mais autêntico do que os influenciadores clássicos.

Os influenciadores-chave geram o seu próprio conteúdo. Bloggers, youtubers ou streamers do Twitch fazem parte deste grupo tanto quanto as personalidades mais populares do Instagram ou de revistas digitais.

Os Youtubers são influenciadores-chave muito populares e costumam assinar contratos de publicidade com marcas para promover os seus produtos, para os quais são forçados a incluir uma referência aos seus patrocinadores nos seus vídeos.

Os seus seguidores tendem a apoiá-los na compra do produto através de um link de afiliado, pois assim recebem uma pequena recompensa cada vez que alguém faz uma compra através desse link.

Isto também funciona noutras plataformas. Se transmitir um videogame no Twitch, por exemplo, pode incentivá-los a comprar.

As marcas tendem a patrocinar os streamers de videogame mais populares para obter um bom efeito publicitário.

Os conhecidos como Let’s Player geralmente recebem acesso exclusivo aos jogos antes do seu lançamento, com o objetivo de apresentá-los aos fãs.

Marcas de acessórios para o mundo dos jogadores também não perdem o comboio de influenciadores e dão-lhes produtos, embora cada vez mais se trate de contratos autênticos pelos quais os streamers colocam um link para uma loja online na sua interface em troca de uma comissão.

Os influenciadores-chave preenchem a lacuna entre autenticidade e publicidade

No Instagram, os influenciadores-chave preferem comercializar produtos que possam apresentar, como moda ou cosméticos.

Os instagramers mais bem-sucedidos costumam usar roupas da marca com a qual têm contrato de publicidade e, em geral, os influenciadores costumam receber amostras grátis ou artigos para apresentá-los aos seus seguidores em fotos sedutoras ou anunciá-los em posts patrocinados.

Com isso, as marcas beneficiam de um efeito crucial: se uma pessoa se considera um especialista no nicho no qual um produto está inserido, o seu efeito é muito mais autêntico e pode transmitir a mensagem de forma mais confiável.

Os bloggers e vloggers costumam intervir como influenciadores-chave quando se trata de apresentar produtos técnicos ou médicos cuja complexidade torna muito difícil para o leigo escolher o fabricante certo.

Os bloggers recebem um produto da marca para experimentá-lo e escrever ou fazer uma review.

Mas, como influenciadores-chave, eles esforçam-se para permanecer sempre o mais autênticos possível e não acabar por se tornarem figuras puramente publicitárias, o que colocaria o seu status em risco.

 

Social Influencer

Este tipo de influencer chega mais perto dos líderes de opinião clássicos e inicialmente tem menos seguidores. Os influenciadores sociais postam e comentam nas redes sociais e são considerados especialistas confiáveis.

Os utilizadores da Internet costumam ser influenciadores sociais sem estar cientes disso: apenas algumas posts que geram um efeito mensurável, com comentários, partilhas e gostos, são suficientes.

Quando publica uma post no Facebook a comentar um filme, provavelmente já está a desempenhar um papel de influencer social sem realmente estar ciente disso, já que os seus seguidores vão ler e podem ser convencidos a ver o filme, e, se classificar um restaurante no Google, exerce alguma influência sobre o seu sucesso.

O mesmo pode ser dito quando responde a uma avaliação no Twitter a expressar a sua opinião. Todas estas formas de micro-comunicação convertem milhares de utilizadores em influenciadores sociais sem intenções comerciais todos os dias.

Se a sua meta é tornar-se um influencer que ganha dinheiro com publicidade, deve direcionar os seus passos para o terreno do influenciador-chave.

O mais comum, porém, é começar como social influencer.

Em primeiro lugar, detete quais publicações tiveram o maior impacto. Posta regularmente sobre os seus jogos favoritos e eles tornam-se uma discussão acesa? Então, talvez deva começar um blog de jogos ou canal no YouTube.

Gosta de postar fotos no Instagram com roupas extravagantes? Talvez o seu futuro seja ser blogger de moda.

Para se tornar um influenciador-chave, pode usar a sua atividade como um social influencer como um trampolim se explorar os seus pontos fortes.

 

Como ser um influencer passo a passo?

Ao contrário da crença infundada de que a profissão de influencer não envolve muito esforço, deve-se esclarecer antes de tudo que é um trabalho de tempo integral ou mesmo além.

Produzir o conteúdo e comercializar a sua própria marca ao mesmo tempo exige, além de enorme produtividade, um entendimento das tendências, e, claro, do marketing.

Deve estar disposto a aprender novas habilidades para adicionar àquelas que já possui, entre as quais deve haver um certo contingente de habilidades sociais e emocionais. Como um influencer, estará constantemente sob os holofotes, exposto a todos os truques do negócio.

7 Estratégias para o Sucesso Financeiro

Passo a passo, aprenda como pode mudar a sua vida financeira e obter estabilidade. Estratégias simples e funcionais para Mudar a sua Vida

Passo 1: prepare-se emocionalmente

Como figura pública, o influencer é muitas vezes submetido a enorme pressão emocional, pois a sua atividade é constantemente analisada na forma de gostos, seguidores, comentários, artigos na imprensa, etc., e o público-alvo é extremamente sensível às menores mudanças.

Assim que a reputação crescer, pode ficar plana novamente.

E como o habitat do influencer é público, ele deve ser capaz de lidar com críticas positivas e negativas. O influencer tem muitos admiradores que o inspiram, mas também muitos haters que, por trás da máscara do anonimato proporcionada pela Internet, não vão perder nenhuma oportunidade de derramar tudo o que pensam sobre essa pessoa, às vezes para o extremo de criar uma crise de reputação.

 

Seja você mesmo

Como influencer, a própria pessoa é o produto mais importante. Dependendo do campo em que atua, terá que aceitar em maior ou menor medida que será difícil separar a sua profissão da sua vida privada.

Se tem um perfil no Instagram em que se mostra como uma pessoa moderna, os seus seguidores provavelmente seguirão tudo o que faz na plataforma e noutras redes.

Mas se um dia, usando um exemplo relativamente inocente, indicar que gosta de bife, não deverá surpreender-se se perder seguidores que optaram por uma dieta vegetariana.

O influencer deve estar ciente de que toda ação tem as suas consequências, boas e más, e nem todos são capazes de suportar tal pressão psicossocial.

Não perca de vista o fato de que não pode agir para agradar a todos, muito menos na Internet.

Muitos influenciadores falham na sua tentativa de divulgar o seu trabalho. Mesmo sem marcar os seus posts como pagos, fica muito claro em alguns casos o que pode levar à rejeição de parte dos seus seguidores se a proporção de “publicidade” ultrapassar os posts mais autênticos.

O influencer deve ser capaz de gerir o sucesso e a deceção e deve estar numa posição de se analisar objetivamente e tirar conclusões úteis.

Passo 2: Identifique os seus pontos fortes e interesses

Sabe tirar boas fotos? Pode escrever ou desenhar especialmente bem? Talvez tenha experiência no mundo do marketing e saiba como produzir um bom vídeo, ou os seus amigos apreciem o seu estilo e venham até si pedir dicas sobre moda.

Talvez as suas piadas sejam mais originais do que o normal e saiba como divertir o seu povo.

Em todos os casos, as suas oportunidades aumentam se tiver carisma e um mínimo de atratividade física, especialmente se se dirigir a um público jovem.

Delimitar as áreas de interesse também é crucial porque, somente demonstrando um real interesse por uma área temática, poderá demonstrar autenticidade e ter a oportunidade de se destacar como influencer.

Acompanha o mundo da música todos os dias e partilha as suas opiniões sobre os últimos lançamentos com os seus amigos? O passo mais lógico seria tornar-se um blogger de música.

Gosta de viajar e as fotos que tira são bem recebidas no seu círculo de amigos? Um perfil do Instagram ou um blog de viagens pode torná-lo conhecido além da esfera privada.

As virtudes e interesses de um influencer digital refletem as da pessoa real, não é em vão que o desejo de fazer do hobby uma profissão torna o trabalho como influencer tão atraente.

Mas não se esqueça que os hobbies podem perder o apelo das atividades de lazer quando se tornam um negócio e, portanto, uma obrigação, por isso pense cuidadosamente se os hobbies continuarão a motivar quando se tornarem uma atividade profissional.

Passo 3: encontre a sua concorrência

Quando tiver decidido por uma especialização (moda, tecnologia, música, etc.) e tiver uma ideia aproximada do que gostaria de fazer, é altura de procurar a sua concorrência.

Embora não se trate de lutar por seguidores como se eles fossem um recurso limitado (eles podem, na verdade, seguir vários influencers), é verdade que levar os utilizadores a seguir alguém não é tão fácil se não lhes é oferecido algo novo.

Por que eles deveriam segui-lo se há outros influencers que também oferecem o mesmo conteúdo, provavelmente com uma qualidade superior?

Veja as boas ideias de outras pessoas e procure uma lacuna no mercado: sente falta de algum tipo de informação sobre as pessoas influentes que trabalham na sua área?

Falta estilo na apresentação do conteúdo?

Falta um grupo específico?

Resumindo, trata-se de explorar a concorrência para ver qual é o aspeto que o diferencia dos demais.

Da mesma forma, pode ser muito benéfico tropeçar em controvérsias que outras pessoas já enfrentaram. Se já sabe o que não funcionou muito bem para os seus concorrentes, não precisa de repetir os mesmos erros.

Passo 4: selecione seu meio e a sua plataforma principal

Se tem ambições, deve concentrar-se em primeiro lugar num meio: quer começar um blog, ser um instagramer ou um youtuber ou ter um podcast?

Embora geralmente seja eficaz interconectar as várias redes sociais, e os principais influenciadores sejam obrigados a fazê-lo, é melhor começar com uma única rede e um único meio para focar melhor o trabalho.

Se tentar estar presente em todas as redes desde o início, a qualidade do seu conteúdo pode ser prejudicada. Além disso, as várias plataformas têm dinâmicas diferentes. Por tudo isso deve evitar o risco de se sobrecarregar de trabalho.

Passo 5: reúna informações sobre o seu público-alvo

Uma celebridade ou influencer tem como alvo um público específico. A extrema popularidade do marketing de influencer deve-se à facilidade com que o alcance de cada conteúdo patrocinado pode ser estimado.

Uma marca de moda assume que o público de um post patrocinado no Instagram será um grupo de pessoas interessadas em moda com certa vontade de consumir.

Mas conhecer o seu público-alvo não é relevante apenas para o marketing do seu conteúdo. Esse público também responde muito melhor às tendências no seu nicho.

A maneira mais fácil de fazer isto é tornando-se parte do seu próprio público-alvo. Isso significa, especificamente, seguir as mesmas personalidades que já estão fortemente ancoradas no público.

Ao captar tendências que nascem no mesmo campo e adquirem maior poder graças aos influenciadores, as suas publicações ganham relevância.

Porém, não se trata apenas de copiar, mas de contribuir com algo interessante, pois só assim se destacará dos demais e o seu público-alvo o considerará digno de ser seguido.

7 Estratégias para o Sucesso Financeiro

Passo a passo, aprenda como pode mudar a sua vida financeira e obter estabilidade. Estratégias simples e funcionais para Mudar a sua Vida

Passo 6: ative o seu meio social e digital

Quando começa, o sucesso não vem imediatamente, porque é difícil para si acertar no conteúdo à primeira.

Veja a carreira do influencer como uma jornada em andamento e menos como uma estrada que leva diretamente ao destino.

O mais importante é produzir e partilhar conteúdos com regularidade, pois a princípio o que importa é testar.

Provavelmente já tem uma presença digital, mesmo que seja mais ou menos limitada ao seu círculo íntimo. É aqui que pode começar a testar o efeito do conteúdo projetado para atrair a atenção.

Partilhe as suas fotos, vídeos, artigos, etc., com amigos, conhecidos e colegas de trabalho e recomende o seu conteúdo àqueles que acha que estão mais interessados.

Na vida real, também pode trabalhar para o sucesso do seu conteúdo a promover, com moderação, o seu blog, o seu canal ou o seu perfil no seu círculo mais próximo.

As opiniões dessas pessoas serão mais valiosas quanto melhor elas o conhecerem pessoalmente. Dada a relevância da autenticidade nesta profissão, a pessoa que melhor pode avaliar se a sua presença digital se adapta à sua personalidade é uma pessoa próxima.

Por fim, examine criticamente o seu conteúdo e verifique quais as fotos, posts e vídeos foram bem recebidos pelo público e quais não foram.

Qual conteúdo mais motivou e envolveu os seus amigos e conhecidos? Com estes testes, pode obter uma boa compreensão dos seus pontos fortes e fracos, o que permite corrigir o itinerário e focar no conteúdo que é melhor recebido.

 

Passo 7: interaja com os seus seguidores

Depois de construir uma base de seguidores forte, precisa de mantê-la e expandi-la ao mesmo tempo. A partir deste momento, já não é importante apenas criar conteúdo constantemente, mas também ter um diálogo regular com os seguidores.

Participe ativamente das discussões que giram em torno do seu conteúdo e siga os perfis de alguns dos seus seguidores, não apenas para ter uma ideia de quem o segue, mas também para expandir a sua rede pessoal.

Como influencer, é o centro de uma comunidade, mas também se espera de si uma certa acessibilidade e proximidade.

Ao contrário dos meios publicitários clássicos, como a imprensa escrita e a televisão, os influencers são produtores dinâmicos e interativos de conteúdo que não seguem um plano cronológico fixo nem podem ser separados da sua pessoa.

Isso faz com que muitos seguidores procurem uma relação com essa personagem, que se torna uma espécie intermediária entre a celebridade, o jornalista e o amigo.

Na sua interação com os seus seguidores, siga estes princípios: mais próximo do que uma pessoa famosa, mais autêntico do que uma figura publicitária e mais profissional do que um amigo.

 

Passo 8: faça networking com outros influenciadores

Atuando como um influencer, terá muita concorrência, mas isso não significa que não possa ter relacionamentos amigáveis ​​ou comerciais com outros influenciadores.

Atenção não é um recurso finito na Internet, pois uma pessoa pode admirar várias personalidades. Os influenciadores podem apoiar uns aos outros ou apresentar o conteúdo juntos, uma solução que pode trazer seguidores para ambos.

Outra vantagem de manter um bom relacionamento com os colegas de profissão é poder aprender uns com os outros, por exemplo, no que diz respeito às técnicas de produção de conteúdos (técnica de som, técnica de fotografia, etc.).

Seguir tendências também é mais fácil quando constrói uma rede de informações pessoais graças aos relacionamentos que cria com outras pessoas.

De uma perspetiva de negócios, dois influenciadores que também são amigos podem indicar empresas um ao outro ou partilhar contactos importantes. E isto sem falar que as dicas de uma pessoa experiente têm grande valor.

 

Passo 9: posicione a sua marca com estilo

Já é um influencer influente e já tem mais de 1000 seguidores? Especializou-se num nicho que anda à volta de produtos?

Nesse caso, pode ousar comercializar o seu conteúdo, pelo menos em parte, já que não se trata de se tornar uma mera plataforma de publicidade. A maioria das publicações deve permanecer não comerciais.

Quando um influencer tem algum sucesso e começa a fazer publicidade, costuma receber ofertas de empresas com um certo peso no mercado.

Os primeiros acordos são geralmente modestos e podem consistir no envio de amostras de produtos para que apareçam de alguma forma numa publicação.

Dependendo do perfil, é provável que receba ofertas de contratos publicitários com os quais já se possam obter benefícios monetários.

Apesar de tudo, não existe um número mínimo de seguidores que possa servir de medida de orientação.

O valor de um contrato com um influencer depende, entre outras coisas, do nicho em que atua, da concorrência, da plataforma principal e de como é avaliado.

Os profissionais de marketing online costumam investir com base em especulações puramente subjetivas.

7 Estratégias para o Sucesso Financeiro

Passo a passo, aprenda como pode mudar a sua vida financeira e obter estabilidade. Estratégias simples e funcionais para Mudar a sua Vida

Estes são os passos que deve seguir se quiser ser um influencer no seu nicho. Saiba que é perfeitamente possível, mas por vezes demora algum tempo e exige esforço e dedicação.

Seguindo as dicas acima facilmente terá sucesso e será reconhecido por seguidores e marcas.

Aproveite e Veja Também:

Deixe uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.