Bruno Marques

O que é SEO? Como funciona para ter o site na primeira página

seo-marketing-digital

Esta a gostar? Partilhe

Share on facebook
Share on linkedin
Share on telegram
Share on email

Quando falamos de SEO, referimo-nos a uma abreviatura que significa “Search Engine Optimization”, mas exatamente, O que é SEO?

Provavelmente ao pensar no termo motor de busca, vem à mente o nome Google, que é justamente um motor de busca. 

Nesse sentido, podemos definir o que é SEO como a área responsável por melhorar o posicionamento orgânico de um site nos diferentes motores de busca na Internet.

Agora, o que é posicionamento orgânico? É a posição que as páginas do nosso site ocupam nos resultados de um motor de busca na Internet para determinadas pesquisas feitas pelos utilizadores, sem utilização de sistemas de publicidade.

Um exemplo de sistemas de publicidade são os conhecidos anúncios que costumam aparecer quando fazemos uma pesquisa num mecanismo de busca, gerados por ferramentas de pagamento por clique, como o Google AdWords.

Isto significa que o anunciante deve pagar ao Google uma determinada quantia em dinheiro por cada clique que o utilizador fizer ao entrar no seu site, através de uma palavra-chave.

O que é Google?

Se quisermos que o Google nos classifique o melhor possível, devemos entender quais os critérios usa para classificar um site. Mas primeiro, o que é o Google?

É uma empresa especializada em serviços de informática, com atuação global. 

Embora esta empresa desenvolva todos os tipos de tecnologias, o seu produto mais importante é o motor de busca.

O motor de busca na internet deve analisar todo o conteúdo que está indexado e devolver-nos o melhor resultado possível. 

Se cumprir esta meta, deixa-nos satisfeitos como utilizadores e faz com que o escolhamos novamente como mecanismo de busca.

Para obter os resultados da pesquisa conforme indicado, o Google organiza as suas páginas indexadas através de um algoritmo. Este algoritmo está sempre em processo de atualização, para poder dar resultados cada vez mais precisos.

 

 

Algoritmo do Google: elemento-chave no posicionamento de SEO

O algoritmo do Google é uma fórmula matemática responsável por posicionar as páginas que são indexadas. 

Ou seja, ao nos depararmos com uma determinada pesquisa, vamos decidir quais resultados terão a melhor localização na página de resultados.

Como mencionamos, ao realizar uma pesquisa, os anúncios provavelmente serão exibidos acima dos resultados orgânicos. 

Geralmente acontece quando fazemos pesquisas comerciais, onde mencionamos palavras-chave como “preço”, “compra”, “ofertas”, entre outras.

Estes anúncios geram rendimentos ao Google, que depende do mecanismo de pesquisa ser bom o suficiente para que as pessoas confiem nele constantemente.

Suponha que ao fazer uma pesquisa no Google não encontramos o resultado que esperávamos, o que faríamos nesse caso? 

Provavelmente recorreremos a outro mecanismo de busca, como Bing ou Yahoo, e se encontrarmos os resultados esperados nesses motores de busca, deixamos de usar o Google.

Assim, para melhorar a experiência, o constantemente dedica constantemente recursos para aprimorar o seu algoritmo e, desta forma, poder responder às dúvidas e necessidades do utilizador.

O que um bom motor de pesquisa na internet deve ter?

Para evitar a perda de utilizadores, um navegador deve ter duas funções essenciais:

  1. Ter mais conteúdo.
  2. Ter um algoritmo que organize todas as páginas indexadas.

 

Se um mecanismo de pesquisa na internet tiver mais conteúdo indexado do que outros mecanismos de pesquisa, é mais provável que produza melhores resultados. Isto porque terá à sua disposição resultados que outros motores de busca não podem oferecer.

Por outro lado, além de possuir muitas páginas indexadas, o motor de busca deve possuir um algoritmo para poder analisá-las. 

Em seguida, deve-se determinar em qual página encontraremos o melhor resultado para a pesquisa feita anteriormente.

Por isso, o que um motor de busca deve ter em conta para otimizar a nossa experiência estará associado a melhorias no seu algoritmo. Isto porque o sucesso do mecanismo de busca dependerá da capacidade de processamento de todo o conteúdo disponível.

Como mencionamos anteriormente, o Google possui um grande número de sites indexados. 

Assim, quando fazemos uma pesquisa específica, o motor de busca tem a obrigação de saber qual de todas as páginas que tem no seu registo é a indicada para nos mostrar em primeiro lugar nos resultados.

Como funciona o Posicionamento no Google?

O conteúdo das páginas indexadas no Google é um dos principais elementos para posicionar um site.

Para que um site seja relevante para o Google, ele deve ter conteúdo sobre um tema específico. Além disso, as informações que incluímos devem ser suficientemente otimizadas para serem consideradas mais confiáveis.

Para que o Google considere o nosso conteúdo mais importante do que o de outro site, devemos incluir palavras-chave relevantes. 

Além disso, o nosso conteúdo deve ser o mais amplo possível, para poder abranger as diferentes pesquisas que podemos fazer no mecanismo de busca.

Por exemplo, digamos que pesquisamos “os melhores destinos de férias” no Google. 

A primeira coisa que o Google deve saber é, de todas as páginas que indexou, quais têm relação com a nossa pesquisa, ou seja, deve separar os resultados que podem dar-nos uma resposta adequada, daqueles que não têm importância para o que estamos a procurar.

A dificuldade reside quando o mecanismo de busca encontra muitas páginas com conteúdo relevante, que deve classificar. 

Ou seja, o Google deve saber em qual de todas as páginas que indexou, encontraremos o que procuramos.

Esta última etapa é aquela que o Google considera mais importante, pois ao fazer uma pesquisa, a grande maioria dos utilizadores clica apenas nos primeiros resultados.

 

O que é SEO e construção de links: fatores influentes no posicionamento na internet

Trabalhar SEO On-page tem a ver com aspetos que podemos modificar dentro de um site ao nosso gosto. Por exemplo, a inclusão de palavras-chave relevantes nas principais tags HTML, como:

  • <title>
  • Meta Descrição
  • <h1>
  • <h2>
  • Atributos dentro das imagens (tag <img>)

Além das tags HTML, o URL que usamos também tem influência, a estrutura da web, o conteúdo e uso de links internos dentro do site. Por outro lado, devemos também certificar-nos de que todos os nossos URLs estão indexados no Google, caso contrário, não poderão aparecer nos resultados da pesquisa.

O Link Building, ao contrário do SEO On-page, tem a ver com o aumento da autoridade de um site através de fatores externos.

O método para o conseguir é através da obtenção de links que apontem para o nosso site.

Os principais motores de busca contam com esses backlinks para determinar se um site é relevante. Esses links funcionam como recomendação, e quanto mais os sites nos “recomendam”, maiores são as possibilidades de nos posicionarmos no Google. 

No entanto, a qualidade dos links que possamos receber também influencia, ou seja, é importante que venham de sites confiáveis.

Para conseguir links orgânicos, é fundamental ter conteúdo de qualidade no nosso site.

Marketing Digital com foco em estratégias de SEO

Com base em tudo o que detalhamos neste artigo, se temos um negócio baseado em marketing digital, devemos ter um site.

Para o sucesso do nosso projeto, o posicionamento na internet é fundamental, pois determinará em grande parte o alcance que o nosso produto ou serviço terá junto ao público ao qual nos dirigimos.

Por isso, é extremamente importante que tenhamos conhecimento de como funciona o Google e de como organiza as páginas que indexa através de SEO e anúncios pagos.

Como mencionamos no início, o SEO é responsável por melhorar o posicionamento orgânico de um site nos diversos motores de busca, mas este mecanismo está em constante mudança, pois é um campo que está a atualizar-se e a especializar-se.

No entanto, existem fatores que estão sempre em vigor: há sempre muito excesso de informação, que é organizado por um algoritmo.

Para além do facto de termos de garantir que os aspetos técnicos do nosso site estão corretamente otimizados, se tivermos conteúdos relevantes, abrangentes, únicos e originais, teremos um grande ponto a nosso favor para conseguirmos um bom posicionamento de SEO.

 

Aproveite e Veja Também:

Deixe uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.