Neste artigo fizemos uma compilação de truques e recomendações para criar uma loja com base no Dropshipping.

É um conceito muito interessante em que pode vender produtos de terceiros sem a necessidade de armazená-los ou despachá-los. Vamos descobrir tudo sobre o assunto.

Muitos empreendedores encontram um grande problema ao criar a sua loja online, pois não têm capital para fazer um investimento inicial que lhes permita ter stock.

Além disso, precisam de espaços de armazenamento necessários para os produtos. Com o sistema Dropshipping, esses inconvenientes, em grande parte, são resolvidos.

dropshipping

O que é Dropshipping e por que está interessado nele?

Através da técnica de Dropshipping pode abrir uma loja online sem a necessidade de ter stock de produtos. Por um lado, evita ter de ter um espaço físico para armazenar o material e, por outro, faz um desembolso inicial para adquirir produtos que não sabe quando vai vender.

A operação é muito simples. O cliente entra na sua loja online e compra um produto. O seu Dropshipper (fornecedor) recebe o pedido, você paga o produto e ele envia diretamente para o cliente.

Em última análise, a figura da sua loja online é um intermediário entre o cliente final e o Dropshipper, tendo a gestão e o controlo do seu próprio negócio, mas delegando uma série de serviços a terceiros.

Visto desta forma, as chances de criação de um negócio de vendas online podem ser acessíveis a qualquer empresário que queira trabalhar e sem a necessidade de um grande investimento inicial. Mas cuidado, não pense que tudo será fácil, tem que ter em mente uma série de ideias e truques que vamos dar ao longo deste artigo.

O Dropshipping é uma variante do comércio electrónico em que uma loja não mantém em stock os produtos que vende, em vez disso, quando um produto é vendido, a mercadoria é comprada de um terceiro e enviada diretamente para o cliente. Isto significa que o comerciante nunca vê ou manipula o produto.

Ou seja, a logística tradicional do e-commerce muda completamente, já que com o Dropshipping, a loja online encarrega-se apenas de gerir os pedidos dos clientes, o facturamento e a geração de uma base de dados. É a empresa do grossista responsável por armazenar, embalar e enviar os produtos aos clientes em nome da empresa online.

4 dicas para ter em mente antes de iniciar o dropshipping

Antes de abrir a sua loja online, deve ter clareza sobre uma série de pontos e obrigações que assume como empresário:

Dicas que todo Instrutor do Método merece ter! - Blog Pilates - O maior blog de Pilates do Brasil

  1. Escolha um bom gestor de CMS para a sua loja online

A criação, design e gestão da loja online são a sua tarefa. Lembre-se que é aqui que o cliente chega para fazer a compra e terá que controlar o registo de produtos, gateways de pagamento, etc.

Você tem diferentes gestores de conteúdo que podem ajudá-lo na configuração da sua loja online, por exemplo, Prestashop e Magento. O Woocommerce é muito bom, é um plugin para WordPress com o qual pode ter uma loja profissional em pouco tempo.

 

 

  1. Obtenha um bom posicionamento de SEO para o seu site

Obter tráfego de clientes para o seu negócio será outra das tarefas que terá que realizar.

A princípio, é muito provável que ninguém o conheça e dificilmente aparecerá nas primeiras posições das paginas de busca. É necessário um trabalho contínuo e preciso nesse sentido para melhorar o posicionamento e para que o seu público-alvo o encontre.

  1. Conheça as margens de lucro em Dropshipping

Normalmente, as margens em Dropshipping não são muito altas. Se somarmos a isso a probabilidade de enfrentar uma concorrência “feroz”, terá que saber muito claramente as margens de lucro necessárias para determinar o quanto pode reduzir os preços para ser competitivo.

Dependendo do setor, pode haver Dropshippers que definem um preço mínimo de retalho para os seus produtos para evitar “batalhas” entre os seus retalhistas.

  1. Não se esqueça de cumprir as suas obrigações fiscais

Antes de iniciar a sua atividade profissional, deve realizar uma série de procedimentos junto dos diferentes organismos oficiais que lhe permitem atuar como retalhista e vender dentro da lei.

É importante que proceda ao processamento do seu registo fiscal junto da Autoridade Tributária e registe-se como trabalhador independente na Segurança Social.

Da mesma forma e periodicamente, o normal é que seja trimestralmente, terá que apresentar os seus rendimentos fiscais.

11 truques para começar com sucesso em Dropshipping

11 truques para começar com sucesso em Dropshipping

 

  1. Realize um estudo de mercado do seu setor

É muito importante que você conheça o setor em que deseja abrir a sua loja online, além de ter dados reais sobre a procura dos produtos.

Num setor com alta procura terá muita concorrência e uma dificuldade maior para abrir um gap nele. Num setor com pouca procura, terá que refinar muito para localizar clientes em potencial.

Existem várias ferramentas que podem dar-lhe orientações sobre se os produtos que vai vender estão em procura e concorrência, por exemplo, pode usar o Google Trends para descobrir as tendências de pesquisa para determinados produtos e o Adwords Word Planner para saber quantas pesquisas são feitas no setor e, além disso, que competição apresenta.

Também seria muito interessante para si analisar qual concorrência enfrenta e descobrir, entre outros detalhes:

Dropshipping tudo o que precisa saber

 

  1. a) Se forem lojas muito grandes e com um volume de vendas muito alto, você terá que ajustar muito a sua margem de lucro para poder aproximar-se dos preços de venda ao público.
  2. b) Descubra se eles fazem campanhas publicitárias online em plataformas diferentes, você pode ter que considerar investir algum orçamento nessas mídias.
  3. c) Detete quais palavras-chave a sua concorrência usa para atrair tráfego e decida se pode usá-las para desenvolvimento de conteúdo.

  1. Crie um bom atendimento ao cliente

Algo que vai diferenciá-lo da concorrência é o atendimento personalizado e atenção com o cliente. Lembre-se de que os clientes vão comprar os produtos a si e qualquer problema deve ser resolvido por si diretamente.

Facilite o contacto do seu cliente em caso de dúvidas, por exemplo, através de um chat ou nas redes sociais mais adequadas ao seu negócio.

Oferecer um atendimento amigável e próximo garante que você melhore a sua reputação online e gere boas referências dentro do setor.

 

  1. Crie e gira a sua própria loja online

O nosso conselho é que não dependa diretamente de terceiros para criar e gerir a sua loja online. Você pode fazer atualizações a qualquer momento e economizar o seu orçamento por não ter que contratar um profissional para isso.

Muitos empreendedores delegam a criação e manutenção da sua loja a terceiros e, às vezes, ficam limitados a ter mudanças ou melhorias imediatas que desejam implementar.

 

 

  1. Escolha os seus Dropshippers (fornecedores) muito bem

Este será um dos pontos importantes a ter em conta, uma vez que “nem tudo que reluz é ouro”.

Fuja de fornecedores que pedem uma mensalidade para vender os seus produtos, pois buscarão lucro com taxas e não com vendas do seu stock. Isto para si pode ser um empecilho que o impede de iniciar o negócio.

Escolha um Dropshipper que possui uma infraestrutura que permite sincronizar o seu stock com o seu catálogo de produtos, você vai economizar muito tempo e evitar a oferta de um produto que está esgotado.

O controlo de stock pode ser feito importando um arquivo CSV ou através de uma chave de API que se conecta à loja. Certifique-se também de trabalhar com um Dropshipper que cumpra os prazos de entrega e seja claro sobre como proceder nos casos de devolução de pedidos pelos clientes.

Uma boa opção é não ter um único provedor, mas manter um relacionamento com dois ou três para não se ver “amarrado” diante de qualquer incidente que possa ocorrer. Assim, verá qual deles responde melhor no serviço.

 

  1. Comece uma boa estratégia de marketing de conteúdo

Embora a sua intenção seja vender, para isso vai criar uma loja online, tem que desenhar uma estratégia de Marketing de conteúdo que ofereça conteúdos valiosos para ajudar, aconselhar e fidelizar clientes.

Um passo inicial é criar um blog dentro do site da loja online. Comece a escrever artigos que podem fornecer um conteúdo muito interessante para os utilizadores do setor.

Você vai atrair tráfego para a sua loja online e melhorar o seu posicionamento de SEO. Escreva artigos superinteressantes para o seu público-alvo!

 

  1. Informe o cliente sobre a sua condição de retalhista

Como já referimos, a responsabilidade pela venda recai sobre o revendedor (no caso a sua loja online), por isso é aconselhável informar o cliente quando o produto não estiver na nossa posse. Pode registar esta condição no site ou no processo de compra.

 

  1. Certifique-se de que o Dropshipper não inclua a sua publicidade no envio

Alguns fornecedores, no momento do envio do pedido, incluem a sua publicidade e até ao recibo com os valores que pagou, o que não será muito bem visto pelo seu cliente na hora de abrir a encomenda.

Felizmente, muitos Dropshippers estão a resolver este problema e enviam a mercadoria como se fosse realmente a sua empresa que a enviou, desta forma o cliente não tem prova de que você está a agir como um intermediário.

Dropshipping uma oportunidade para iniciar o seu negócio online

  1. Verifique se o seu Dropshipper está no estrangeiro

Nesse caso, deverá levar em consideração as possíveis exigências da alfândega que podem reter a mercadoria até que as taxas e impostos apropriados sejam liquidados.

Também deve ter os prazos de entrega controlados. Se o seu Dropshipper estiver localizado no estrangeiro, certifique-se de que os prazos de entrega não sejam muito longos. Isto pode causar insatisfação nos seus clientes.

 

  1. Comece de menos para mais Dropshipping

Como não sabe como funciona o Dropshipping, recomendamos que comece a oferecer aos seus clientes uma parte do catálogo de produtos. Conforme vê os resultados, pode aumentá-los.

Desta forma, evita receber vários pedidos inicialmente sem estar ciente sobre como funciona o profissionalismo do fornecedor: prazos de entrega, status do produto, política de devolução, etc.

 

10.   Aproveite as vantagens das plataformas de publicidade online

No começo é difícil ter um bom posicionamento nos motores de busca e divulgar a sua marca e os seus produtos. Mas você tem a possibilidade de fazer marketing pago em diferentes plataformas como Google Adwords, Facebook Ads e Twitter Ads.

Através de um determinado investimento em publicidade, pode realizar campanhas que permitem que apareça nos primeiros resultados do Google quando alguém pesquisar os seus produtos.

Você também pode criar outros tipos de campanha que melhoram muito a visibilidade da sua marca e tornam-se conhecidos. O lado positivo é que em todos os momentos tem controlo sobre o orçamento que deseja gastar e dados reais sobre os resultados obtidos.

Esperamos tê-lo ajudado a estar ciente sobre como dar os primeiros passos no Dropshipping.

 

  1. Gerir o seu stock

Se o seu negócio Dropshipping está a crescer, pode considerar ter vários fornecedores e, assim, evitar problemas de stock, tendo mais de um fornecedor com os mesmos produtos. Além disso, com mais de um fornecedor, pode agilizar os envios por ter uma maior diversidade geográfica.

É muito importante que você entre em contacto com o gestor de vendas do seu Dropshipper para que ele indique a disponibilidade dos produtos que você está a vender.

Dropshipping 2020: É Legal, O que é, como trabalhar e sites 🥇

Desvantagens de Dropshipping

  • A pessoa responsável perante o cliente final é você. Se ocorrer algo imprevisto, você deve responder aos seus clientes para resolvê-lo da melhor maneira possível.
  • Você deve ter muitas vendas para ter lucro, pois a margem de lucro não é muito alta.
  • A comunicação com dropshippers pode ser um problema se você não tiver um bom relacionamento com o fornecedor. Se surgir uma emergência, é necessário que tenha uma equipa para gerir a sua conta com eficácia.
  • Como dissemos anteriormente, a falta de stock pode tornar-se um ponto muito delicado, que vai causar problemas se você não a administrar corretamente.

 

Como tornar o seu negócio lucrativo de Dropshipping

 

  1. Obtenha a margem de lucro máxima

A margem de lucro maior ou menor que você obterá dependerá de cada produto e se o produto está com procura alta. Se as margens que oferecem para os seus produtos são muito baixas, deve concentrar-se em compensá-las com um alto número de vendas.

 

  1. Escolha os seus produtos corretamente

Nos negócios de Dropshipping, é preferível optar por produtos com pouca concorrência. Você obterá maiores benefícios e será mais fácil posicionar-se.

Se vende produtos de marca ou produtos conhecidos, corre o risco de competir em preços com outras lojas online que podem ter os mesmos produtos, mas muito mais baratos, e monopolizar todos os clientes.

Pode ser um erro optar por vender estes tipos de produtos devido à grande concorrência que existe.

 

  1. Política de preços

Como retalhista, você terá a opção de escolher os preços que colocará nos seus produtos. No entanto, estará condicionado tanto pelo preço mínimo estabelecido pelo seu fornecedor, quanto pelo preço da sua concorrência.

 

  1. Agregue valor aos seus produtos

Uma estratégia competitiva pode ser agregar valor extra aos seus produtos. Dessa forma você pode aumentar os preços.

Pode agregar mais valor oferecendo um bom atendimento ao cliente, bom serviço pós-venda ou aconselhamento personalizado.

 

  1. Evite embalagens que incluam a criação da loja online

Deve fugir de todas as ofertas que prometem dar-lhe tudo o que for feito em troca de um pagamento mensal. Como dissemos antes, é preferível escolher um CMS e criar a sua própria página de loja online (ou contratar um designer), e fazer um único pagamento.

Muitas empresas oferecem packs em que incluem a criação da sua loja online e, além disso, atribuem-lhe um catálogo de produtos em troca de uma mensalidade.

Pode ser atraente, pois à primeira vista parece que nos deixam tudo pronto para começar a vender. Com estes packs você estará a pagar uma mensalidade sem saber se vai ter um bom volume de vendas.

Por outro lado, é recomendável que crie a sua loja online para garantir que ela seja otimizada para posicionamento. Quando tiver a certeza sobre o produto que deseja vender, também pode considerar as alternativas que apresentamos abaixo.

 

Opções para Dropshipping

 Drop Shipping on eBay - Master Guide!

  1. Dropshipping no eBay

Vantagem

  • Começar é muito simples, bastando criar uma conta no Ebay para começar a criar uma lista de produtos e começar a vendê-los.
  • A vantagem do Ebay é que é conhecido em todo o mundo e visitado diariamente por milhares de compradores.
  • Você pode esquecer de promover os seus produtos com técnicas de marketing. Também vai evitar ter que trabalhar no seu SEO, já que o Ebay já faz todo esse trabalho.

 

Desvantagens

  • Deve pagar taxas que podem chegar a até 10% do preço de venda dos seus produtos.
  • O layout do Ebay não oferece muita personalização, por isso terá que se contentar com o layout predefinido.
  • Por ser uma plataforma de leilões, deve estar ciente do status dos seus produtos para republicá-los quando necessário.
  • Você não será capaz de criar um ativo capaz de aumentar em valor. Ao não criar o seu próprio negócio, com carteira própria de clientes, não tem a opção de vender o referido ativo no futuro.

Amazon Dropshipping: 10 Great Tips for Dropshipping on Amazon – Fulfillman

  1. Dropshipping na Amazon

Vantagem

  • Tal como acontece com o Ebay, começar é muito simples e tem as mesmas vantagens em termos de posicionamento, tráfego e marketing.
  • A Amazon tem um serviço de atendimento para que não tenha problemas de stock.

Desvantagens

  • Ter acesso a uma ampla rede de compradores tem um preço. Tal como acontece com o Ebay, terá que pagar taxas que variam dependendo de cada produto.
  • Por outro lado, a Amazon terá acesso a todos os dados sobre as suas vendas, portanto você não terá proteção total das suas informações.
  • Como no Ebay, o design de sua plataforma de vendas é totalmente limitado.

150+ Best Dropshipping Companies and Suppliers Free Directory

  1. Dropshipping com a sua própria loja online

Vantagem

  • Terá controlo total sobre aspetos como a distribuição ou o design da sua loja online.
  • Não terá que pagar uma percentagem por cada venda a terceiros, portanto, a sua margem de lucro não será tão reduzida como se trabalhasse com o Ebay ou Amazon.Poderá criar uma marca associada a uma imagem e aumentar a sua carteira de clientes.
  • Poderá criar uma marca associada a uma imagem e aumentar a sua carteira de clientes.

Desvantagens

Deve concentrar grande parte dos seus esforços em estratégias de SEO e marketing online, já que vai começar do zero, além de cuidar da configuração técnica.

 

Diferenças e semelhanças entre afiliação e Dropshipping

  • Com o Marketing de afiliados, a forma de ganhar dinheiro é diferente do Dropshipping. Marketing de afiliados significa ganhar comissões para cada venda de um produto de terceiros que você promove. A promoção pode ser muito diversificada. O comum é chegar ao seu público através do seu blog, escrevendo reviews sobre o produto que está a tentar vender, através de banners, email marketing, funil de vendas etc.
  • No marketing de afiliados, como no Dropshipping, o papel do marketing online e do posicionamento em buscadores torna-se muito importante para gerar tráfego para as páginas nas quais você promove os produtos dos seus afiliados.
  • Quanto aos preços, no Dropshipping poderá ajustar os preços de venda e estabelecer os seus próprios preços de retalho. Mas o preço de venda é determinado pelo vendedor.
  • Com o Dropshipping você tem mais opções para criar uma clientela sólida e consolidada, já que a página do produto é sua. Com o marketing de afiliados será mais difícil, pois o link de afiliado redireciona para a página do vendedor, que será totalmente diferente da sua.

 

Programas e lista de provedores de Dropshipping

 

Fornecedores de dropshipping de sapatos

  • Garatti
  • Grupocoas

 

Fornecedores de dropshipping de brinquedos e presentes

  • Giftpedia
  • Playtronics

 

Fornecedores de dropshipping de produtos domésticos

  • AquimasBarato
  • Nedis

 

Provedores Dropshipping de computadores e telefonia

  • E-nuc
  • Pixmania-pro
  • Megasur

 

Fornecedores de dropshipping de material de escritório

  • Adveo
  • Liderpapel

 

Fornecedores Dropshipping de roupas e acessórios

  • Grupocoas
  • Lingeriesecret

 

Fornecedores de dropshipping para automóveis

  • Euromontyres
  • Auto Gar

 

Fornecedores Dropshipping de hospitalidade e comida

  • Ecopaixão
  • Frappemania

 

Fornecedores de dropshipping de instrumentos musicais

  • Lightinthebox

 

Provedores Gerais de Dropshipping

  • RedPointshop
  • Plasticosuro
  • Bigbuy

 

Fornecedores de Dropshipping da China

  • Buyincoins
  • Chinavasion
  • Dealextreme

 

 

Já conhecia o Dropshipping? Esperamos que este artigo o ajude a iniciar o seu negócio neste mercado.


Leave a Reply

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.